Prefeito Dr. Everton Costa se reúne no Recife com Secretário da Casa Civil

Imagem

A mostrar 13076610_1134431303295096_5073649643553757036_n.jpgA mostrar 13076610_1134431303295096_5073649643553757036_n.jpgA mostrar 13076610_1134431303295096_5073649643553757036_n.jpgA mostrar 13076610_1134431303295096_5073649643553757036_n.jpgA mostrar 13076610_1134431303295096_5073649643553757036_n.jpgevertu

Em defesa do desenvolvimento da Capital do Gesso, o prefeito de Trindade Dr. Everton Costa (PSB) esteve reunido nessa manhã de terça-feira (26) no Recife, com o secretário da Casa Civil Dr. Antônio Carlos Figueira, para tratar da agilidade nas obras de construção da primeira etapa da avenida principal, um importante acesso da cidade, a reforma do Açougue Público e Matadouro.

 

Além desta pauta, o executivo trindadense também reivindicou sobre melhorias no abastecimento d’água relacionados ao IPA e COMPESA e ainda cobrou mais segurança pública para Trindade.

 

O secretário Figueira afirmou durante o encontro o total interesse e responsabilidade do governador Paulo Câmara (PSB) em trazer ainda nesse semestre, mais melhorias para o município, respondendo as solicitações do prefeito.
Estamos exercendo nosso papel quanto gestor, de cobrar mais desenvolvimento, assegurando a qualidade de vida dos nossos trindadenses”, disse o chefe do executivo municipal.

 

ASCOM / TRINDADE

Um carroceiro de 30 anos é suspeito de praticar o crime. Homem foi contido por populares que passavam pelo local.

Imagem

alt

Do G1 Petrolina/ Foto: Ilustrativa

TRINDADE – Uma agricultora de 35 anos foi estuprada, em via pública, neste domingo (24), em Trintade, no Sertão pernambucano. Um carroceiro de 30 anos é suspeito de praticar o crime. O caso ocorreu na Rua Presidente Dutra, na Zona Central do municípío.

Segundo a Polícia Militar (PM), o suspeito estava estuprando a vítima em cima de uma calçada, quando foi surpreendido por populares. Ele foi retirado a força de perto da mulher e acabou fugindo, sem camisa e ensaguentado.

A equipe da Ronda Ostensiva com Apoio de Motocicleta (Rocam) realizou buscas nas imediações e localizou o homem. O carroceiro foi preso em flagante e encaminhado para a Delegacia de Polícia Civil de Ouricuri, também no Sertão de Pernambuco. Já a vítima foi levada para o Hospital Regional de Ouricuri, onde passou por exames traumatológicos e sexológicos.

Biomédica de PE desenvolve chip que detecta 18 tipos de câncer

Imagem

 

ConquerX mapeia marcadores sanguíneos que indicam os tipos de câncer.
Produção do dispositivo terá início após autorizações da Anvisa e da FDA.

Joalline NascimentoDo G1 Caruaru

Deborah Zanforlin (esq.) desenvolveu o chip em Pernambuco e projeto ganhou premiação do MIT, nos Estados Unidos (Foto: Divulgação)

Deborah Zanforlin (esq.) desenvolveu o chip em Pernambuco e projeto ganhou premiação do MIT, nos Estados Unidos (Foto: Divulgação)

Um chip que detecta 18 tipos de câncer em estágio inicial por meio de um teste sanguíneo foi desenvolvido pela professora e biomédica pernambucana Deborah Zanforlin. De acordo com ela, o resultado do exame é informado ao paciente em 15 minutos. O ConquerX – como foi denominado – foi criado com o intuito de “auxiliar as pessoas de baixa renda a descobrirem a doença, já que a tomografia e mamografia, por exemplo, são caras”, destacou Deborah.

Em 2015 a professora passou a tentar transformar o projeto em um produto para que ele deixasse de ser apenas uma pesquisa, e acabou sendo premiada pelo Instituto de Tecnologia de Massachusetts (MIT).

“Eu queria que a população tivesse acesso ao chip, mas tive dificuldades com relação ao investimento para a produção do material. No ano passado eu recebi uma medalha de prata em uma premiação do MIT, nos Estados Unidos. Lá, eu conheci quatro pessoas que aceitaram trabalhar comigo para fazer do projeto de pesquisa uma pequena empresa”, contou ao G1 a biomédica.

Desenho de como é o ConquerX - chip capaz de detectar 18 tipos de câncer (Foto: Reprodução)

Desenho de como é o ConquerX – chip capaz de detectar 18 tipos de câncer (Foto: Reprodução)

Após formar sociedade com profissionais da Eslováquia, Vietnã, Espanha e Argentina, Deborah começou a testar o chip em algumas pessoas e obteve resultado positivo.

Os testes foram realizados em Pernambuco, local onde o projeto foi desenvolvido. “Estamos trabalhando para fazermos alguns testes nos Estados Unidos”, ressaltou a biomédica.

O dispositivo ainda não está em processo de produção porque é necessário ter a autorização da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) – no Brasil – e da Administração de Alimentos e Medicamentos dos Estados Unidos (FDA) – nos Estados Unidos. “Estamos trabalhando para patentear o ConquerX. Depois vamos resolver esta questão com as agências reguladoras de saúde”, informou.

Biossensor
O projeto consiste em um biossensor em formato de chip que mapeia marcadores sanguíneos que indicam os tipos de câncer. “O diagnóstico precoce do câncer aumenta para 70% as chances de cura. O chip fará com que as pessoas deixem de ver o câncer como uma sentença de morte, além de ajudar no esquema de prevenção”, ressalta a professora.

O sistema do chip é portátil e pode ser levado com facilidade para cidades do interior, onde o acesso a testes e tratamento contra o câncer é difícil. Outra característica do dispositivo é que ele não emite radiação.

Moradores tentam descobrir ganhador da Mega-Sena em Cabrobó

Imagem

alt

Na cidade o clima é de muita curiosidade e euforia. Aposta foi feita na Casa Lotérica A Sorte, em Cabrobó (Foto: Eric Naboa/TV Grande Rio)

Taisa AlencarDo G1 Petrolina

Desde a noite desta quarta-feira (20), o assunto entre os moradores de Cabrobó, no Sertão de Pernambuco, é apenas um: o ganhador ou ganhadora da Mega-Sena. Eles querem descobrir quem foi o apostador que levou sozinho oprêmio de mais de R$ 92 milhões, sorteados na quarta (20) em Umuarama (PR). Com uma única aposta, feita em uma das duas casas lotéricas da cidade, o sortudo acertou as seis dezenas do concurso 1.810 e ganhou  R$ 92.303.225,84. O prêmio estava acumulado há nove jogos. Os números sorteados foram: 01 – 10 – 25 – 43 – 50 – 56.

Com uma população de 33.247 habitantes, a notícia surpreendeu os cabroboenses e ganhou repercussão no município. Logo após o sorteio, eram muitos os comentários nas redes sociais e em grupos de aplicativos de mensagens de celular.

A dona das duas únicas lotéricas da cidade, Marinalva Freire de Lima, disse que soube da nóticia através do marido. “Ele ligou perguntando se eu estava sabendo e fui confirmar se o ganhador era mesmo de Cabrobó. Algumas pessoas também me ligaram para saber se era verdade. A gente recebe essa notícia com muita alegria. Cabrobó é uma cidade pequena e com isso sabemos que vai correr dinheiro dentro da cidade, porque esperamos que o ganhador fique por aqui, que não suma. Fiquei muito feliz em saber que o novo milionário fez a aposta na nossa lotérica”, falou.

O clima é de muita euforia. A princípio todos querem saber quem é o ganhador. Estão todos contentes, disse Marinalva Freire, dona da lotérica

Apesar de muitos comentários, os curiosos ainda não descobriram quem é o ganhador e fazem até apostas. “A cidade não fala mais em nada a não ser quem é o ganhador da mega-sena. A curiosidade tomou conta de todos os moradores desde que saiu a notícia e muitos comentários foram feitos nas redes sociais. Soltaram até fogos na noite de ontem. A cidade está toda mobilizada para saber quem é o milionário. Mas, ainda não descobrimos quem foi o sortudo e acredito que ele já está longe”, disse a servidora pública Elida Vidal.

Questionado sobre o que faria se fosse a ganhadora do prêmio, Elida não soube responder. “É tanto dinheiro que a gente fica perdida. Não sei nem por onde começaria”, falou. Já a empresária Jussara Lacerda, uma das primeiras a comentar a novidade nas redes sociais, imaginou tudo o que poderia fazer com o dinheiro. “Cada um tem um sonho, um desejo. Mas, se fosse eu, ajudaria minha família, deixaria todos muito bem, principalmente meu afilhado João Guilherme, que é uma criança especial. Por fim, iria embora do país, por segurança”, explicou.

altMoradores de Cabrobó tentam descobrir quem é o ganhador da Mega-Sena (Foto: Eric Naboa/TV Grande Rio)

Uma das primeiras coisas que a funcionária pública Doracy Barros da Cruz fez quando acordou, foi ver como estava o clima nas ruas da cidade. “Estive na lotérica e tinha muita gente lá em frente, alguns tirando fotos. Tem também grupos de amigos nas praças, nas esquinas. E eles ficam citando os nomes das pessoas que mais gostam de jogar, aquelas que fazem apostas toda semana, acreditando que um deles pode ser o ganhador. Mas, até agora não temos certeza. Fica só o debate entre os amigos e a interrogação”, brinca.

Investimento
Segundo o economista João Ricardo Lima, se aplicado na poupança, o prêmio de  R$ 92.303.225,84 renderia, por mês, exatos R$ 650.737,74. E, caso fosse dividido entre os  33.247 mil habitantes, cada um receberia quase R$ 2.800. O economista destaca ainda que esse valor é quatro vezes maior do que a renda média mensal de um morador da Zona Rural do município, que é de R$ 691,73. Já para um morador da Zona Urbana o valor dividido é duas vezes maior do que a renda mensal que é de R$ 1.385,04. Os cálculos foram feitos com base nos dados do Instituto Federal do Sertão de Pernambuco (IF Sertão-PE), de 2010.

Apostas
Em março, um apostador do município de Afrânio, no Sertão de Pernambuco, acertou cinco números do concurso 4022 da Quina e ganhou o prêmio sozinho de R$ 9.140. 429, 46. A aposta milionária foi feita na única casa lotérica da cidade.

Imagem

alt

Maria Laciene Batista, era esposa de Claudiomar Gonçalves (Cabim), ex-Conselheiro Tutelar do município.

Faleceu na manhã desta quinta (21), Maria Laciene Batista. Ela era esposa de Claudiomar Gonçalves (Cabim), ex-Conselheiro Tutelar do município de Araripina, Professor de Educação Física do Colégio Destak. A vítima, trabalhava em um cartório da cidade.

Segundo informações de familiares, Laciene cometeu suicídio por enforcamento, tudo aconteceu por volta das 09h00 em sua residência, no residencial Nossa Senhora da Conceição, Bairro Alto da Boa Vista.

O corpo foi encaminhado ao IML em Petrolina e será sepultado as 16 h desta sexta-feira (22) no cemitério local.

Parentes e amigos prestam homenagens nas redes sociais, com muitas palavras de conforto e apoio.

Que Deus conduza ela no descanso eterno.

 Do Blog Araripina em Foco / Foto: Arquivo da família

Dilma viaja para Nova York e Temer assume a Presidência

Imagem

Ana Cristina Campos – Repórter da Agência Brasil

A presidenta Dilma Rousseff, candidata à reeleição, concede entrevista coletiva na tarde deste sábado (18), no Palácio da Alvorada, em Brasília

No discurso em Nova York, Dilma deve abordar a crise política e o processo de impeachment em curso no Senado Federal Arquivo/Agência Brasil

 

A presidenta Dilma Rousseff viaja a Nova York, nos Estados Unidos, para participar, na sexta-feira (22), da cerimônia de assinatura do Acordo de Paris sobre Mudança do Clima, na sede da Organização das Nações Unidas (ONU). O embarque está previsto para amanhã (21). A previsão é que ela retorne ao Brasil ainda na sexta-feira. Com a viagem, o vice-presidente Michel Temer assume a Presidência da República.

No discurso em Nova York, Dilma deve abordar a crise política e o processo deimpeachment em curso no Senado Federal. Ontem (19), em entrevista a correspondentes estrangeiros no Palácio do Planalto, Dilma voltou a criticar o vice-presidente Michel Temer e o presidente da Câmara dos Deputados, Eduardo Cunha (PMDB-RJ), por conspirarem contra seu mandato. Ela também afirmou que o Brasil tem um “veio golpista adormecido” e que não houve um presidente após a redemocratização do país que não tenha tido um processo de impedimento no Congresso Nacional. Como segundo na linha sucessória, o vice-presidente assume a chefia do Executivo em casos de viagens internacionais do titular.

Acordo de Paris

O acordo global climático foi assinado na 21ª Conferência das Partes (COP21) da Convenção-Quadro das Nações Unidas sobre Mudança do Clima em Paris, em dezembro. Após 13 dias de debates, representantes de 195 países chegaram, pela primeira vez na história, a um acordo global sobre o clima.

O Acordo de Paris prevê limitar o crescimento da emissão de gases de efeito estufa e a criação de um fundo global de US$ 100 bilhões, financiado pelos países ricos, a partir de 2020, para frear o aquecimento global a 1,5°C.

Edição: Talita Cavalcante

Brasil tem 1.168 casos confirmados de microcefalia; Nordeste lidera ranking

Imagem

Bebê com microcefalia (Sumaia Villela/Agência Brasil)

Os 1.168 casos confirmados ocorreram em 428 municípios de 22 estados da unidades da FederaçãoSumaia Villela/Agência Brasil

Boletim epidemiológico divulgado hoje (20) pelo Ministério da Saúde aponta que, até o dia 16 de abril, 1.168 casos de microcefalia e outras alterações do sistema nervoso sugestivas de infecção congênita foram confirmados no país. Os números mostram ainda que 2.241 casos suspeitos foram descartados, enquanto 3.741 permanecem em investigação.

Os 1.168 casos confirmados ocorreram em 428 municípios de 22 estados da unidades da Federação: Alagoas, Bahia, Ceará, Maranhão, Paraíba, Pernambuco, Piauí, Rio Grande do Norte, Sergipe, Espírito Santo, Minas Gerais, Rio de Janeiro, Amapá, Amazonas, Pará, Rondônia, Distrito Federal, Goiás, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Paraná e Rio Grande do Sul. São 55 casos a mais em relação aos dados do último levantamento, divulgado no dia 12 deste mês.

Do total de casos confirmados, 192 tiveram resultado positivo em relação ao Zika por critério laboratorial específico para o vírus. O ministério ressalta, no entanto, que o dado não representa adequadamente a totalidade de casos relacionados ao vírus. “A pasta considera que houve infecção pelo Zika na maior parte das mães que tiveram bebês com diagnóstico final de microcefalia”, informa o boletim.

De acordo com o levantamento, até o dia 16 de abril, foram registrados 240 óbitos suspeitos após o parto ou durante a gestação (abortamento ou natimorto). Desses, 51 foram confirmados para microcefalia e/ou alteração do sistema nervoso central, 30 foram descartados e 165 continuam em investigação.

Nordeste

A Região Nordeste concentra 77,2% dos casos notificados, com 5.520 registros até o momento. O estado de Pernambuco continua sendo a unidade da Federação com maior número de casos em investigação (760), seguido da Bahia (647), Paraíba (389), Rio Grande do Norte (297), Rio de Janeiro (294) e Ceará (254).

“Cabe esclarecer que o Ministério da Saúde está investigando todos os casos de microcefalia e outras alterações do sistema nervoso central informados pelos estados e a possível relação com o vírus Zika e outras infecções congênitas. A microcefalia pode ter como causa diversos agentes infecciosos além do Zika, como sífilis, toxoplasmose, outros agentes infecciosos, rubéola, citomegalovírus e herpes viral”, destaca o texto.

Na semana passada, o Centro de Controle e Prevenção de Doenças Transmissíveis norte-americano (CDC, na sigla em inglês) anunciou a confirmação da relação entre o Zika e a ocorrência de microcefalia em bebês cujas mães foram infectadas pelo vírus. O estudo revisou rigoramente as evidências já existentes e concluiu que o Zika é a causa da microcefalia e outros danos cerebrais identificados em fetos.

Edição: Talita Cavalcante

STF julga hoje validade da nomeação de Lula para a Casa Civil

Imagem

lula50O Supremo Tribunal Federal (STF) deve decidir nesta quarta-feira (20) sobre a validade da nomeação do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva para ocupar o cargo de ministro-chefe da Casa Civil. Os ministros vão julgar recursos protocolados pela defesa do ex-presidente e a Advocacia-Geral da União (AGU). Os advogados de Lula argumentam que não há impedimento legal para que ele assuma a Casa Civil.

A nomeação foi suspensa no dia 18 de março por uma decisão liminar do ministro Gilmar Mendes,do STF, que atendeu a um pedido do PSDB e do PPS. Mendes decidiu suspender a posse de Lula na Casa Civil por entender que a nomeação para o cargo teve o objetivo de retirar a competência do juiz federal Sérgio Moro – responsável pelos processos da Operação Lava Jato – para julgá-lo e passar a tarefa ao Supremo, instância que julga ministros de Estado.

Em recursos apresentados ao STF, a AGU rebateu o entendimento de Gilmar Mendes sobre a suposta intenção do governo de nomear Lula para beneficiá-lo com foro privilegiado. Além disso, a AGU alegou que a avaliação do ministro é equivocada, porque parte da premissa de que o Supremo é um lugar para proteção contra impunidade, o que não é verdade.

A defesa de Lula argumenta que Sérgio Moro tenta intervir na organização política do país. Segundo a defesa, não há impedimento para que Lula assuma a Casa Civil, porque o ex-presidente não é réu em nenhuma ação penal e não foi condenado pela Justiça.

No dia 7 de abril, o procurador-geral da República, Rodrigo Janot, enviou parecer ao Supremo pela anulação da posse de Lula. Segundo Janot, houve desvio de finalidade na nomeação para “tumultuar” as investigações da Lava Jato e retirar a competência de Moro para julgar Lula.

O ex-presidente é investigado na Operação Lava Jato por suposto favorecimento da empreiteira OAS na compra da cota de um apartamento no Guarujá e por benfeitorias em um sítio frequentado por ele em Atibaia, no interior de São Paulo. (fonte:Ne10)

Cerca de 60% dos deputados que julgaram Dilma têm pendências na Justiça

Imagem

imagemDos 513 deputados federais inscritos para a votação que decidiu sobre o processo de impeachment da presidenta Dilma Rousseff, ocorrida no último domingo (17), 298 respondem a processos na Justiça. O número representa o total de 58,09% dos parlamentares que compõem a Câmara dos Deputados. Os dados foram levantados pelo Portal EBC na plataforma do Projeto Excelências, da ONG Transparência Brasil.

Dentre os parlamentares que se posicionaram favoravelmente ao prosseguimento do processo de impeachment, 58% possuem algum questionamento jurídico. Já entre os que votaram a favor do governo, De todos, 54% respondem ou já foram condenados em algum processo. Entre deputados ausentes ou que se abstiveram de votar, 100% têm pendências judiciais. Os processos estão em diversas instâncias e vão desde crimes eleitorais até processos de má gestão do dinheiro público e corrupção.

O deputado recordista em termos de números de processos, de acordo com a Transparência Brasil, é membro da Mesa Diretora da Câmara. Beto Mansur (PRB-SP), 1ª Secretário da equipe presidida por Eduardo Cunha (PMDB-RJ), tem 45 processos na Justiça.

A maioria é por conta da época em que Mansur foi prefeito de Santos, mas um dos processos é uma indenização de R$ 200 mil paga a trabalhadores de sua fazenda que, segundo o TRT, tinha condições de trabalho análogas à escravidão.

Em segundo lugar na lista, está o deputado Veneziano Vital do Rêgo (PMDB-PI), com 35 processos. Washington Reis (PMDB-RJ), com 30 processos, Mauro Mariani (PMDB-SC), com 27 processos e Roberto Góes (PDT-AP), com 25 processos. Estes completam a lista dos cinco com mais pendências na Justiça.

No histórico judicial dos deputados por estado, Sergipe aparece como a única unidade da federação em que 100% dos parlamentares possuem algum tipo de processo na Justiça.

Todos os oito deputados têm ou tiveram problemas com a Justiça. Outros 19 estados têm mais da metade dos deputados respondendo a processos.

Apenas Acre (3 de 8), Bahia (16 de 39), Minas Gerais (26 de 53), Pará (7 de17), Pernambuco (11 de 25), Rio de Janeiro (22 de 46), Rio Grande do Norte (3 de 8) e Roraima (3 de 8) têm menos da metade de deputados respondendo a processos.

Já na análise por partidos, sete das 25 siglas somam mais de 50% de seus parlamentares envolvidos em questionamentos judiciais: PC do B, PHS, PMB, PSB, Psol, PV e REDE. Por outro lado, PDT, PEN, PP, PT do B e PTB têm mais de dois terços da bancada com problemas na Justiça.

Quando os deputados são divididos por gênero, há equilíbrio. Entre as mulheres, 28 das 52 deputadas (53,84%) têm pendências judiciais. Entre os homens, 270 dos 460 têm problemas judiciais. O valor corresponde a 58,69% do total. De todos os deputados, o único que não têm dados disponíveis é Floriano Pesaro (PSDB-SP).  (Agência Brasil)